Cymbidium Como Cuidar

Cymbidium Como Cuidar

Cymbidium Como Cuidar

Cymbidium Como Cuidar dessa orquídea é mais fácil do você imagina. Em geral, as cymbidium são orquídeas fáceis de serem cultivadas, são fortes e resistentes, capazes de sobreviver a pequenas negligências de seu cultivador. Contudo, se cuidar muito bem dela, você irá ver que trará cachos florais ainda mais lindos.

A orquídea cymbidium é originária da Ásia, mas é também facilmente encontrada em outros países tais quais a África e Austrália. Pelas características locais, essa é uma orquídea que vive muito bem em ambientes de clima ameno para frio.

Outra característica dessa orquídea é que ela é umas das poucas espécies terrestres do tipo epífita que pode ser cultivada em vasos. Se for colocar sua orquídea assim, lembre-se que no fundo do vaso deve haver uma camada de dreno feita com isopor ou argila expandida ou mesmo brita. Evite colocar aqueles pratinhos abaixo do vaso. As orquídeas cymbidium em vasos são bastante usadas como decoração dentro das casas e apartamentos, bem como em varandas.

As cymbidium possuem orquídeas que possuem pseudobulbos e logo abaixo deles já estão as raízes que são carnudas e podem aparecer ramificadas e cobertas por um velame esbranquiçado. As folhas da cymbidium são longas e finas são bastante resistentes e crescem a partir da base do solo do pseudobulbo. Seu comprimento pode chegar a um metro.

Cymbidium Como Cuidar das suas Flores

As flores da orquídea cymbidium brotam em cachos e sua durabilidade é grande, são de 5 a 15 flores por pseudobulbo. As flores são de diversas cores, tais como rosa, amarela, branca, verde, entre outras. As flores desabrocham na primavera-verão, entre setembro e janeiro, e duram em torno de 6 semanas.

Cymbidium Como Cuidar

Suas flores preferem climas mais amenos ou frios, entre 15ºC e 18ºC. É essencial bastante umidade e boa circulação de ar. Em relação à temperatura é necessária mais atenção no período de maturação dos botões e floração durante à noite. Nestes casos, o ideal é que a temperatura durante a noite fique em torno de 10

ºC a 12ºC. Se você reside em um local onde a temperatura é mais alta à noite, sugere-se borrifar água gelada no início da noite e também colocar algumas pedras de gelo na borda do vaso.

Como essa orquídea precisa de boa circulação de ar, uma boa alternativa é deixar o vaso ao ar livre quando possível. Porém, cuidado com as altas temperaturas no verão e também com a posição onde for colocar o vaso da flor. Essa orquídea não deve receber luz solar direta, mas é essencial que receba luz indireta por bastante tempo.

Em relação à água, esta orquídea precisará de regas regulares, o substrato dela não deve completamente seco. Cerca de 50% de umidade no substrato é o suficiente. No verão, recomenda-se que além das regas regulares, nos intervalos, borrife as folhas apenas da planta.

A fertilização para a cymbidium é importante para seu melhor desenvolvimento e floração. No período de crescimento da planta, sugere-se que utilize fertilizante NPK 30-10-10; no período de floração, 10-30-20; já nos demais períodos, recomenda-se um fertilizante de manutenção na proporção 20-20-20. Lembrando que você deve sempre seguir as instruções do fabricante quanto à aplicação de fertilizantes químicos. Em alternativa, você poderá utilizar adubos orgânicos na cymbidium também.

Se desejar, é possível fazer mudas a partir da orquídea cymbidium facilmente, por meio da divisão de touceiras (também conhecido por divisão de rizomas): realize a divisão pelas raízes, cortando abaixo do pseudobulbo. Lembre-se que cada muda deve ficar com 2 ou 3 pseudobulbos, no mínimo. Neste processo utilize sempre ferramentas esterilizadas. Tenha muito cuidado no manuseio da planta para evitar danificar as raízes.

As orquídeas podem ser ótimas companheiras além de alegrarem o ambiente em que se encontram. Por isso, elas merecem todo o carinho e atenção em seu cultivo. Para saber mais dicas sobre orquídea cymbidium como cuidar, acesse o cursinho gratuito que disponibilizamos. Para isso, informe seu e-mail no formulário abaixo:

Previous post:

Next post: