Orquídea Negra: é mais protegida do sol?

A orquídea negra realmente chama a atenção dos botânicos e cultivadores ao redor do mundo por sua coloração escura, que faz dela uma orquídea rara.

As orquídeas raras são aquelas mais difíceis de serem encontradas na natureza e, em alguns casos, exigem cuidados redobrados em seu cultivo! Mas esse não é o caso da Maxillaria Schunkeana, como também é conhecida a Orquídea Negra.

Orquidea Negra

Essa orquídea é considerada rara por conta da sua linda coloração escura, que diferente do nome, não é de cor preta, mas sim de um vermelho escuro que é muito difícil de ser encontrado na natureza.

A orquídea negra é originária das florestas do Espírito Santo, onde o clima é moderado e bastante úmido. Apesar disso, ela não precisa de cuidados muito exigentes, e pode ser cultivada sem problemas fora de seu habitat natural!

Além do mais, ela é uma flor epífita, que nasce em troncos de árvores, e por esse motivo, ao cultivá-la em casa, você deve deixá-la em lugares mais elevados, proporcionando a ela setenta por cento de sombreamento durante o dia.

Orquídea Negra e a Luz do Sol

Orquidea Negra

 A orquídea negra é flor que aprecia luminosidade média. Embora possa parecer que esta orquídea seja mais protegida do sol em função de sua cor negra, na verdade, ela necessita ser filtrada. A luz direta do sol pode inclusive causa queimaduras nesta orquídea. A luz solar filtrada é um dos fatores mais importantes para que ela floresça, que se combinado com a umidade do ar alta, irá fazer com que ela dê lindas flores!

E por falar em floração, a orquídea negra dá flores de curta duração, que duram em torno de cinco dias e ocorre várias vezes ao ano.

Ela normalmente floresce mais no outono e na primavera, mas isso não é uma regra. Dando a ela os cuidados necessários, a sua orquídea lhe retribuirá sempre com muita beleza!

Outra curiosidade sobre essa espécie de orquídeas, é que elas podem chegar a medir quinze centímetros de altura, dando flores com no máximo um centímetro e meio de comprimento.

Se desejar saber mais curiosidades sobre as orquídeas, participe de nosso cursinho gratuito sobre como cuidar de orquídeas. Para receber as aulas gratuitas, informe no formulário abaixo o seu e-mail:

Orquídea Negra: o cultivo da flor em casa

Orquidea Negra

Se você tiver ou deseja cultivar uma orquídea negra em sua casa ou apartamento, é bom saber desde já que a orquídea negra não é capaz de armazenar muitos nutrientes, por isso precisa de uma manutenção mais frequente, de forma que a sua adubação seja semanal e a rega deve ser realizada com abundância. Apenas no inverno e em épocas mais frias do ano é necessário diminuir sua rega, para que a água não fique acumulada em seu substrato e apareçam fungos e bactérias.

Por falar em substrato, o ideal é para a orquídea negra é que o substrato seja casca de pinus misturados com pedaços de carvão. Essa mistura permite a melhor drenagem da água. Caso você coloque sua orquídea negra em lugar que tenha bastante vento, recomenda-se colocar um pouco de musgo esfagno junto ao substrato para emaranhar as cascas de pinus e os pedaços de carvão, assim deixando o substrato um pouco mais firme, mas sem prejudicar a drenagem da água.

Fora estes cuidados mais essenciais, a orquídea negra é uma flor simples, que se tratada com amor e carinho, será sua companheira por longos anos!

Se você gostou das informações que passamos aqui e quer saber mais dicas de como cultivar qualquer orquídea na sua casa, então não deixe de participar do nosso cursinho gratuito. Para receber as aulas do cursinho, basta que informe no formulário abaixo o seu e-mail de contato:

Previous post:

Next post: